luciano-hang-e-jair-bolsonaro-aspect-ratio-930-440
🇧🇷 Curto Brasil

Dono da Havan e outros sete empresários são alvos de mandado de busca e apreensão da PF após defenderem golpe

23-ago 9:45
1 min

A Polícia Federal cumpre mandado de busca e apreensão contra empresários que defenderam um golpe de Estado durante uma troca de mensagens.

A conversa entre os empresários foi divulgada pelo jornalista Guilherme Amado, do site Metrópoles.

O ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes autorizou as buscas. Os endereços dos oito empresários estão espalhados pelo Brasil e as buscas acontecem em: São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Ceará.

Os alvos da PF:

  • Luciano Hang, da Havan
  • José Isaac Peres, da rede de shopping Multiplan
  • Ivan Wrobel, da Construtora W3
  • José Koury, do Barra World Shopping
  • André Tissot, do Grupo Serra
  • Meyer Nigri, da Tecnisa
  • Marco Aurélio Raimundo, da Mormaii
  • Afrânio Barreira, do Grupo Coco Bambu

O ministro do STF autorizou a busca e apreensão na residência fixa, casa de férias e escritórios do dono da Havan. Além disso, também foi autorizado bloqueio das contas bancárias e redes sociais dos empresários.