Captura-de-Tela-2022-08-18-às-15.06.58-aspect-ratio-930-440
🥸 Não Curto Fake News

Fake nas eleições: JN é primeira vítima de montagens mentirosas da disputa 2022

18-ago 15:53
2 min

Foi dada a largada para a temporada de mentiras na campanha eleitoral. Desde quinta-feira (17), circula – nas redes sociais – a primeira deepfake das eleições 2022. Enquanto isso, o meio ambiente é esquecido pelos candidatos à Presidência. O Curto te ajuda a não cair nessa!

Para quem não sabe, o deepfake é uma tecnologia que usa inteligência artificial para criar vídeos falsos, mas realistas, de pessoas fazendo coisas que elas nunca fizeram na vida real. A técnica permite produzir montagens de vídeo com famosos e políticos, substituindo rostos e vozes em vídeos realistas.

Desde esta quinta-feira (18), circula nas redes sociais uma montagem em vídeo da apresentadora do Jornal Nacional, Renata Vasconcellos, anunciando uma pesquisa falsa de intenções de votos na qual o presidente Jair Bolsonaro (PL) aparece em primeiro.

Vídeo por: UOL

O vídeo é, na verdade, uma alteração da edição do dia 15 de agosto do telejornal da Globo, onde a apresentadora divulgou os dados da última pesquisa de intenção de votos referente ao primeiro turno da eleição deste ano, realizada pelo Ipec.

Fica o alerta para tomarmos um cuidado extra com as informações compartilhadas nas redes sociais – principalmente no período eleitoral – não esqueça de sempre checar a fonte!

“Fake” ambiental

E já que estamos falando em redes sociais: dados apontam que as pautas ambientais são pouco citadas e tratadas de forma superficial pelos candidatos à Presidência da República nas plataformas digitais há pelo menos um ano. (((o))eco)

Informações de um relatório do Observatório das Eleições 2022 – Especial Meio Ambiente, produzido pela vert.se (empresa de análise de dados de redes sociais) – demonstram que os 4 principais candidatos citaram apenas 35 vezes assuntos ligados ao meio ambiente em suas redes sociais.

O levantamento, realizado entre 1º de junho de 2021 e 1º de junho de 2022, monitorou as contas oficiais de Instagram e Twitter de Jair Bolsonaro (PSL), Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Ciro Gomes (PDT) e Simone Tebet (MDB).

(🚥): pode exigir registro e/ou assinatura 

(🇬🇧): conteúdo em inglês

(*): conteúdos em outros idiomas são traduzidos pelo Google Tradutor