ucrania-aspect-ratio-930-440
🗺 Curto Mundo

Últimas da Ucrânia: novos bombardeios russos causam cortes de luz em boa parte do país

30-dez 8:39
2 min

O governo da Ucrânia denunciou novos ataques em larga escala da Rússia contra infraestruturas de energia do país. Segundo o governo de Zelensky, três pessoas morreram e a maioria dos territórios ucranianos está sem eletricidade em pleno inverno.

“Há cortes de luz nesta noite na maioria das regiões ucranianas”, disse o presidente ucraniano, Volodimir Zelensky, em seu pronunciamento diário nas redes sociais.

“Devido a danos significativos na rede, é difícil para nós restaurar a eletricidade nas regiões de Kharkov, Kiev, Odessa, Mikolaiv, Kherson e Lviv”, lamentou o presidente da companhia de energia elétrica Ukrenergo, Volodimir Kudritsky, em declarações à televisão ucraniana.

Os ataques russos deixaram “três mortos e seis feridos, entre eles uma criança”, indicou o ministro do Interior ucraniano, Denis Monastirski.

Míssil em território bielorusso

Belarus (ou Bielorússia), país aliado da Rússia, afirmou que um míssil ucraniano caiu em seu território nesta quinta-feira. As autoridades divulgaram imagens que apresentaram como fragmentos desse míssil em um campo no sudoeste do país e convocaram o embaixador ucraniano para exigir uma investigação.

A Ucrânia argumentou que poderia se tratar de uma “provocação deliberada” da Rússia para “envolver Belarus na guerra”.

O exército russo “deu a seus mísseis de cruzeiro uma trajetória para que sua interceptação ocorresse no espaço aéreo da Belarus”, disse o Ministério da Defesa ucraniano.

Por sua vez, o exército ucraniano afirmou que derrubou 54 de 69 mísseis disparados pelas tropas russas.

Fonte: AFP

Guerra na Ucrânia: tudo o que você precisa saber sobre o conflito

Veja também: