WhatsApp Image 2022-11-11 at 15.16.16
🌎 Curto (Sobre)Viver

Indígenas enviam apelo a Lula: “retire garimpeiros da nossa terra Yanomami”

11-nov 15:20
2 min
Créditos da imagem: Reprodução Twitter

Enquanto brasileiros de verde e amarelo fazem manifestações antidemocráticas, os verdadeiros guardiões da riqueza brasileira – os indígenas – focam na liderança do país para os próximos quatro anos e enviam mensagem de socorro para o presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva: “o candidato derrotado [Jair Bolsonaro] matou o nosso povo”. Veja!

Em tempos de COP27 – a conferência da ONU sobre o clima – a voz que vem das florestas brasileiras tenta encontrar eco nas redes sociais. Em vídeo postado no Twitter, indígenas Yanomamis enviam mensagem ao presidente eleito Lula.

“Nós, Yanomamis, povo da terra, acreditamos em você porque é um defensor da Terra-Floresta”, diz o líder da tribo. “Quero continuar vivo, quero criar meus filhos… não quero que minha terra seja destruída. Quero que você retire os garimpeiros da terra Yanomami”.

“O candidato derrotado [Jair Bolsonaro] matou o nosso povo”. Veja:

O vídeo foi postado na conta de Dário Kopenawa, filho do líder indígena Davi Kopenawa, conhecido defensor da terra Yanomami e denunciante do garimpo ilegal em terras indígenas e também da crise sanitária da covid-19 entre os povos originários, com a hashtag #ForaGarimpoForaCovid .

Dário Kopenawa, liderança Yanomami, em evento na Câmara dos Deputados. Imagem :Elaine Menke/Câmara dos Deputados

Dario vice-presidente da Hutukara Associação Yanomami e ficou mundialmente conhecido pela campanha de alerta à ameaça de vida dos indígenas no extremo Norte da Amazônia. Ao lado de outras lideranças, chegou a coletar mais de 439 mil assinaturas – no Brasil e no exterior – exigindo a retirada de 20 mil garimpeiros ilegais na região.

Curto Curadoria:

Veja também: