Créditos da imagem: Canva

Apple lança novo editor de imagens impulsionado por IA

A Apple introduziu um modelo de inteligência artificial (IA) para a edição de fotos através de prompts. Denominado MGIE - Edição de Imagem Guiada por Modelo de Linguagem de Grande Escala Multimodal - este modelo de código aberto possibilita que os usuários utilizem linguagem natural para instruir o editor sobre seus objetivos desejados.

Com o MGIE, os usuários têm a capacidade de orientar o editor para realizar alterações específicas, como “intensificar o azul do céu”, e o modelo interpreta essas instruções em ações de edição concretas.

PUBLICIDADE

O destaque do MGIE reside em sua habilidade de compreender uma ampla variedade de comandos e executar ajustes complexos, abrangendo desde edições básicas, como cortar, redimensionar e aplicar filtros, até modificações mais avançadas, incluindo a alteração de fundos, adição ou remoção de objetos e a aplicação de efeitos artísticos.

Além das funções tradicionais de edição, a ferramenta da Apple é capaz de aprimorar a qualidade global da imagem ao ajustar elementos como brilho, contraste, nitidez e equilíbrio de cores.

O modelo também possibilita edições focalizadas em regiões ou objetos específicos dentro da imagem, permitindo a personalização de atributos como forma, cor e textura.

PUBLICIDADE

Por exemplo, um usuário pode simplesmente dizer “torne o céu mais azul”, e o MGIE interpretará isso como “identificar e selecionar o céu e, em seguida, aumentar a saturação nesta área em 20%”. Caso o resultado não atenda às expectativas do usuário, é possível refinar a solicitação ou desfazer o efeito, fornecendo uma instrução diferente.

O MGIE executa edições comuns no estilo do Photoshop, como cortar, redimensionar, girar, inverter e adicionar filtros. Além disso, o modelo aplica edições mais avançadas, como a troca de fundo, adição ou remoção de objetos e a fusão de imagens.

O modelo é capaz de otimizar a qualidade global de uma foto através de ajustes no brilho, contraste, nitidez e equilíbrio de cores. Adicionalmente, o MGIE aplica efeitos artísticos, como esboço, pintura e desenho animado.

PUBLICIDADE

Por fim, o MGIE permite a edição de regiões ou objetos específicos em uma imagem, como rostos, olhos, cabelos, roupas e acessórios, modificando atributos como forma, tamanho, cor, textura e estilo. Atualmente, o MGIE é um modelo de código aberto disponível no Github, e uma demonstração online permite que os usuários carreguem suas próprias imagens e experimentem suas funcionalidades.

Leia também:

Procurando uma ferramenta de Inteligência Artificial para facilitar a sua vida? Neste guIA, você navega por um catálogo de robôs movidos a IA e conhece suas funcionalidades. Confira a avaliação que a nossa equipe de jornalistas deu para elas!

Rolar para cima