Governo brasileiro zera imposto sobre a importação de produtos para IA

O governo brasileiro eliminou o imposto de importação de vários produtos de tecnologia, incluindo "placas computacionais projetadas para inteligência artificial (IA) e Machine Learning", de acordo com uma resolução do Comitê-Executivo de Gestão da Câmara de Comércio Exterior (Gecex).

A resolução publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira (20) tem como efeito prático a possibilidade de montagem no Brasil de produtos como placas de processamento de vídeo 4K, utilizando componentes importados. Esta medida isenta o imposto de importação até 2025.

PUBLICIDADE

O governo optou por zerar o imposto de importação devido à ausência de fabricantes dispostos a produzir esses produtos no país, como indicado pelo Capital Digital. O objetivo da isenção, de acordo com o site, é facilitar a montagem desses componentes na Zona Franca de Manaus (AM) ou no estado de São Paulo.

“Placas computacionais projetadas para Inteligência Artificial (IA) e Aprendizado de Máquina (Machine Learning), especializadas em processamento de imagens com codificador de vídeo 4Kp30 e decodificador de vídeo 4Kp60, equipadas com CPU “Quad-core” 1,43GHz, GPU integrada 128-core, 4GB de memória RAM 64-bit LPDDR4 25.6GB/s, porta HDMI, 4x USB 3.0, 1x USB 2.0 Micro-B e GPIO, dissipador de calor na parte superior à CPU, temperatura de operação de -25 a 97 graus célsius, dimensões do produto 100 x 80 x 29mm”, segundo consta como o descriptivo de “placas computacionais” publicado pelo Gecex.

Leia também:

Procurando uma ferramenta de Inteligência Artificial para facilitar a sua vida? Neste guIA, você navega por um catálogo de robôs movidos a IA e conhece suas funcionalidades. Confira a avaliação que a nossa equipe de jornalistas deu para elas!

PUBLICIDADE

Rolar para cima