51042427453_6832bcde17_o-aspect-ratio-930-440
⚡️ Curto Flash

Bolsonaro vai receber aposentadoria de R$30 mil; saiba mais no Curto Flash

2-dez 13:24
2 min
Créditos da imagem: Marcos Correa

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), concedeu aposentadoria parlamentar para o presidente Jair Bolsonaro, o valor poder chegar a R$30 mil. Veja mais detalhes no Curto Flash, nossa seleção das principais manchetes do momento!

Lira concede aposentadoria de R$30 mil para Bolsonaro

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), estabeleceu que Bolsonaro receba uma aposentadoria correspondente a 32,5% de seu subsídio parlamentar, acrescidos de 20/35 (vinte trinta e cinco avos) da remuneração fixada para os membros do Congresso Nacional. Atualmente, o presidente já recebe cerca de R$12 mil de aposentadoria como capitão reformado do Exército. (Estadão Conteúdo)

“Herdeiro do terror”

Filho de Osama bin Laden diz que é traumatizado com práticas que presenciou da al-Qaeda durante sua infância. Omar bin Laden relata crises de pânico e que se tornou pintor para tentar esquecer a vida no Afeganistão. Em entrevista para o jornal britânico “The Sun”, Omar contou que seu pai gostaria que ele continuasse o seu legado, em uma espécie de “herdeiro do terror”. (Extra)

Escondeu dinheiro no sofá

O presidente sul-africano, Cyril Ramaphosa, está com o futuro incerto após terem sido encontrados maços de dinheiro escondidos em um sofá, localizado em uma de suas propriedades. Houve especulações de uma possível renúncia após o escândalo, mas foi descartado. O presidente pode ser alvo de um processo de impeachment. O Parlamento se reúne na próxima semana para decidir quais medidas serão tomadas. (AFP)

Faturando bem

O streamer Casimiro Miguel, está transmitindo a Copa do Mundo do Catar e ninguém sabia até então quanto ele estava recebendo. Acontece que Case já faturou mais de R$830 mil, sendo que a Copa ainda está na primeira fase. Em uma transmissão, ele sem querer deixou escapar quanto já havia arrecadado. (Folha de S. Paulo 🚥)

Extrema pobreza bate recorde

11,6 milhões de brasileiros passaram a viver abaixo da linha da pobreza devido a pandemia da covid-19, segundo um estudo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Desde 2012 o Brasil não registrava um avanço tão grande desta condição. Em 2021, o índice de pessoas na linha da pobreza subiu em 22,7% em comparação com 2020. Já o número de pessoas em situação de extrema pobreza subiu em 48,2%. (G1)


(🚥): pode exigir registro e/ou assinatura 

(🇬🇧): conteúdo em inglês

(*): conteúdos em outros idiomas são traduzidos pelo Google Tradutor