Aquecimento global - fonte: Reprodução/Pixabay
🌎 Curto (Sobre)Viver

O tal do aquecimento global

6-ago 9:17
4 min
Créditos da imagem: Aquecimento global - fonte: Reprodução/Pixabay

Quase diariamente, o Curto noticia os efeitos da crise climática que atingem o nosso planeta. Ondas de calor, incêndios, enchentes…as opções são muitas e todas elas trazem consequências catastróficas. Mas você sabe o que significa o aquecimento global? E como ele influencia na ocorrência desses eventos?

Vamos começar pelo começo?

O aquecimento global é o aumento da temperatura média dos oceanos e da camada de ar próxima à superfície da Terra – observado desde o período pré-industrial (entre 1850 e 1900) -, que pode ser consequência de causas naturais e atividades humanas (Um Só Planeta).

Esse aquecimento se deve, principalmente, à queima de combustíveis fósseis, o que amplia os níveis de gases de efeito estufa – em especial o dióxido de carbono (CO2) – na atmosfera da Terra. 

Estima-se que, desde o período pré-industrial, as atividades humanas tenham aumentado a temperatura média global da Terra em cerca de 1°C. Atualmente, esse número tem crescido em mais de 0,2°C por década (NASA*).

Vale lembrar…

Que o efeito estufa é um fenômeno atmosférico natural – causado por uma série de gases que retém parte do calor irradiado pela Terra – responsável pela manutenção da vida no planeta. Sem ele, a temperatura da Terra seria muito baixa, inviabilizando a sobrevivência de diversas espécies. 

Esses gases são os chamados gases de efeito estufa (GEEs), compostos principalmente por gás carbônico (CO2), metano (CH4), óxido nitroso (N2O) e vapor d’água, entre outros (Mundo Educação).

Normalmente, parte da radiação solar que chega ao nosso planeta é refletida e retorna diretamente para o espaço e outra parte é absorvida pelos oceanos e pela superfície terrestre. Há ainda uma parte retida por essa camada de gases, o que causa o chamado efeito estufa (WWF).

O problema, portanto, não é o fenômeno natural, mas sim o agravamento dele.

Muitas atividades humanas, principalmente a queima de combustíveis fósseis e o desmatamento, têm contribuído para o aumento da concentração desses gases na atmosfera e, como consequência, elevado a temperatura média da Terra, dando origem às mudanças climáticas.

Este vídeo da NASA mostra o aquecimento da Terra de 1880 a 2020. As cores ondulantes representam o aumento médio de temperatura no período, que tem se intensificado nos últimos anos:

Vídeo por: NASA

E não pense que é necessário um aquecimento muito grande para fazer a diferença. Não estamos falando aqui de 10°C.

Um aquecimento global de 3°C já produziria efeitos catastróficos.

Vídeo por: The Economist

As ondas de calor – que estão atingindo diversas regiões do mundo, provocando efeitos desastrosos -, por exemplo, são fenômenos naturais do planeta e já existiam antes das mudanças climáticas. Contudo, as evidências científicas sustentam que, com o aumento do aquecimento global, esses eventos extremos tendem a se repetir cada vez mais (G1).

Um estudo recente demonstrou que a onda de calor do Reino Unido – que levou o país a marcar temperaturas recordes este ano – era pelo menos 10 vezes mais provável de ocorrer nos dias de hoje (Axios*), muito mais quentes devido às mudanças climáticas causadas pelo homem, em comparação com a era pré-industrial.

Tendo em vista que um meio ambiente limpo, saudável, sustentável é um direito humano, todos nós temos o dever de mitigar a crise climática. Essa é uma luta coletiva.

Não sabe por onde começar? Informe-se e compartilhe informação de qualidade. O Curto ajuda você!

Curto curadoria:

  • Veja o relatório do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC) sobre os impactos do aquecimento global de 1,5°C (IPCC*);
  • Seremos História? Documentário mostra como as mudanças climáticas atingem o meio ambiente e como precisamos agir, enquanto sociedade, para prevenir que mais espécies de animais sejam extintas, assim como para salvar as comunidades nativas em torno da Terra. Confira o trailer!
Vídeo por: National Geographic

Foto de destaque: Reprodução/Pixabay

(🚥): pode exigir registro e-ou assinatura

(*): conteúdos em outros idiomas foram traduzidos via Google Translate